Eurofamily 2014/2015 – Budapeste

Depois de Praga, chegou a hora de ir para Budapeste. Essa viagem fizemos de trem, e eu adorei. Esses países são bons também por terem uma moeda barata. As “estalecas” da Hungria valem pouco, então comparada ao Euro, é o paraíso.

Admito, que a entrada no trem foi meio #tensa. Não sabíamos para qual vagão ir e nem onde sentar, ninguém para nos informar e muito menos informações em inglês,  mas no fim, deu tudo certo, e a viagem foi bem agradavel. Dormi boa parte do tempo, mas enquanto estava acordada, vi paisagens lindas e com muita neve.

<p><a href=”https://vimeo.com/121230026″>IMG 9667</a> from <a href=”https://vimeo.com/marikotapelomundo”>Mariana Rosa (marikotapelomundo)</a> on <a href=”https://vimeo.com”>Vimeo</a&gt;.</p>

IMG_9621

Chegando em Budapeste, também foi caótico. Lá, não é todo mundo que fala inglês e estávamos todos sem internet para usar o gps. Com o endereço do Hostel em mãos, tentamos pegar um táxi na saída da Central Station, mas o taxista disse, que estávamos muito perto do hostel e disse pra irmos a pé. E lá fomos nós. Maaaaas quem disse que era assim tão perto? Depois de caminharmos uns 15 minutos, puxando malas pesadas, tentamos pegar outro táxi que negou nos levar, até hoje não entendemos o por que. Depois de parar mil vezes tentando informações e para descansar o braço, chegamos no Hostel.

O hostel que ficamos por lá, era o Wombats. Hostel 5 estrelas top de linha. Lindo, grande, e com pub dentro. Quartos todos com banheiro dentro. Por 3 euros, um café da manhã bem bonzinho e fica a 500 metros do Rio Danúbio e da Praça Deak Ferenc, onde todas as linhas de metro se cruzam. Indico sem sombra de dúvidas.

WOMBATS_BUDAPEST_HOSTEL_INNENARCHITEKTUR

Na primeira noite ficamos pelo pub do hostel mesmo, como fecha a meia noite, a gente subiu cedo para dormir, já que o dia seguinte, era de turismo.

No dia seguinte, acordamos cedo e junto com alguns meninos que conheçemos no hostel, fomos andar pela cidade. Fomos até a  St. Stephen’s Basilica, que é a maior Igreja da Hungria e terminou de ser construída em 1905.

DSC03930 DSC03933

De lá, seguimos para a Chain Bridge, que é a ponte mais turística da cidade, passa em cima do Rio Danúbio, foi inaugurada em em 1849. Para quem não sabe, a cidade tem esse nome, devido a junção de duas cidades, em 1873, antes disso, existia Buda ao lado direito do Danubio, e Pest na margem esquerda, e a Chain Bridge foi a primeira ponte ligando as duas cidades.

DSC03944 DSC03948

IMG_9704 IMG_9697 IMG_9694

Passando a ponte, fomos ao destino final do dia, que seria a Citadella, que é uma espécia de forte, em uma parte mais alta da cidade, criado após a revolução da Hungria em 1848. A subida é cansativa, mas a vista lá de cima vale a pena. É possível ver a cidade inteira e tanto no caminho, quanto lá em cima, ruínas das construções antigas.

DSC03968 DSC03975 DSC03984 DSC03989 DSC03993 DSC04009 DSC04005 DSC03998 DSC03995 DSC04020

IMG_9720 IMG_9719 IMG_9755 IMG_9752

E aqui acabou nosso passeio desse dia. Não sei se cheguei a comentar em algum dos outros posts sobre a viagem, mas a parte ruim de viajar pela Europa nessa época, é  o pouco tempo com luz solar para o turismo hehe, demora a amanhecer e escurece as 4 horas da tarde, o que limita um pouco a quantidade de coisas a conhecer. Por isso, nessa época, se quiseres conhecer mais coisas, o ideal é ficar mais dias no lugar.

A noite, fomos no pub/nighclub mais famoso da cidade, o Szimpla Kert, que é o que chamam de ruinpub, que são basicamente bares situados em prédios que estavam em estado decadente e que são decorados com o que estava lá dentro: itens abandonados e móveis vintage e nada combina,na verdade chega a ser confuso observar a decoração. Além disso são centros culturais, onde além de um bar/nightclub normal, é possível assistir filmes e ver exposições de artistas locais.

szimpla-kert 3394269

IMG_9766 IMG_9777 IMG_9776

O dia seguinte, era véspera do Ano Novo, então foi meio morto para o turismo, pois a cidade “morreu”  após a 1 da tarde. Encontrei um dos meus melhores amigos, que morou comigo na califa e que fazia mais de um ano que que não via, e que sem querer querendo, estava por lá também .Tomamos um café e demos uma volta, e fomos nos arrumar para a virada.

IMG_9789 IMG_9791

A virada em Budapeste é bem famosa, tinha muito brasileiro pelo hostel e pela cidade, além de milhares de todos os lugares do mundo. Claro, não é aquela super queima de fogos como temos no Brasil, mas mesmo assim é legal.

Pouco antes da meia noite, fomos para a beira do Rio Danúbio, que estava lotada de pessoas, a Chain Bridge, estava mais lotada ainda. O castelo de Buda, todo iluminado, lindo. Foi meu segundo Ano Novo fora do Brasil, e particularmente gostei bastante.

IMG_9806 IMG_9804 IMG_9801 IMG_9817

IMG_9825

Após a contagem regressiva, os abraços de ano novo, a multidão se dispersou, e todo mundo tomou rumo para alguma festa em algum bar/hotel/nighclub da cidade. Tinham muitas festas, porém maioria bem cara, em torno de 80/100 euros a entrada, então como não estávamos afim de gastar essa grana, ficamos pela rua, e acabamos entrando em um pub, que cobrou uns 15 euros de cada para entrar, mas estava quente e divertido. Por que gente, o frio que estava nessa noite, não tem como descrever…

Faltou visitar e fazer muita coisa. Então pretendo algum dia, voltar. Uma das coisas, que faltou fazer, foi ir na águas termais de Budapeste. São super famosas e lindas, parada obrigatória a todos que visitam. O frio e o pouco tempo acabaram pesando um pouco na hora de decidir se iriamos ou não. Outra lugar que vimos só de longe foi o Parlamento, que é um prédio lindo e maravilhoso e um dos principais pontos turísticos.

Parlamento

Parlamento

E assim, acabou a etapa Budapeste da viagem. No dia seguinte após a virada de ano, era dia de partir para Amsterdam, para os últimos dias juntos pela Europa.

Beibyejos

Um comentário sobre “Eurofamily 2014/2015 – Budapeste

  1. Cada foto mais linda que a outra! A Europa é maravilhosa, né, com sua antiguidades e modernidades tb. beijão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s